Medica é o curso mais concorrido, com 143 candidatos por vaga

(Foto: Viviane Mallmann/RPC)

O Vestibular de Verão 2017 da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) registrou a inscrição de 8.602 estudantes, concorrendo a 762 vagas, nos campi de Ponta Grossa e Telêmaco Borba, na região dos Campos Gerais do Paraná. Medicina é o curso mais concorrido.

As provas são aplicadas dias 10 e 11 de dezembro em Apucarana, Cascavel, Castro, Curitiba, Foz do Iguaçu, Francisco Beltrão, Guarapuava, Irati, Jacarezinho, Maringá, Palmeira, Ponta Grossa, Rio Negro, São Mateus do Sul, Telêmaco Borba e Umuarama.



De acordo com a UEPG, o curso de medicina é o mais concorrido, com 2.146 inscritos para 15 vagas. A proporção é a de 143 candidatos por vaga. Em segundo lugar, vem o curso de direito noturno, com 23,6 inscritos por vaga (615 concorrentes a 26 vagas).

Em seguida, tem odontologia, com 23 vestibulandos por vaga (508 inscritos a 22 vagas); engenharia civil, com 16,8 por vaga (303 candidatos para 18 vagas); e agronomia, com 16,6 por vaga (367 concorrentes a 22 vagas).

Entre os 10 cursos mais concorridos, também aparecem enfermagem, com 15,86 candidatos por vaga (238 inscritos, para 15 vagas); direito matutino, com 15,8 inscritos por vaga (474 candidatos para 30 vagas); licenciatura em educação física noturno, com 14,22 por vaga (256 inscritos para 18 vagas); engenharia de software, com 12,06 inscritos por vaga (181 candidatos a 15 vagas); e administração noturno, com 11,7 estudantes por vaga (131 concorrentes a 30 vagas). O

O curso de direito noturno em Telêmaco Borba registrou 9,5 candidatos por vaga (478 concorrentes a 50 vagas).
O informativo da proporção candidatos/vaga traz ainda a concorrência dividida por cotas (negros, escola pública e universal).

No geral, a concorrência na cota universal é de 14,3 candidatos por vaga; na cota da escola pública, 9,2 por vaga; e na cota para negros, 3,4 por vaga.

As cotas para negros e para a escola pública exigem que o candidato tenha cursado todas as séries do ensino fundamental e do ensino médio na rede pública de ensino.

Somam-se ao total de inscritos mais 277 candidatos treineiros, cujo desempenho é divulgado separadamente, depois da divulgação da lista de aprovados em primeira chamada do concurso.
A participação nessa categoria tem por finalidade exclusiva a experiência no vestibular, não podendo a pontuação obtida em hipótese alguma ser utilizada para registro acadêmico e matrícula.

Fonte: G1