O suspeito de matar o segurança Emerson Fernandes de Oliveira, 40 anos, na madrugada de sábado (23), utilizava documento de outra pessoa.

Foto: Douglas Kichel (Radio Clube)

Inicialmente o homem foi identificado como Amancio de Lima, que também foi baleado na mesma ocorrência. Após confirmado seu falecimento no Hospital Regional em Francisco Beltrão, familiares procuraram o Instituto Médico Legal (IML) e confirmaram sua verdadeira identidade, trata-se de Luiz Henrique Granella de Almeida, 22 anos.

Segundo a Polícia Civil, Luiz Henrique era procurado pela justiça, suspeito de ser autor de outro homicídio. Também foi confirmado que ele matou Emerson Fernandes de Oliveira no sábado. A polícia ainda não confirmou quem atirou contra Luiz, mas acredita que uma terceira pessoa participou da ação. Outra informação confirmada é mais de 50 disparos de pistola foram efetuados durante a confusão.

Fonte: Douglas Kichel – Rádio Clube

Gestor de SMS