Fuga aconteceu no fim da noite de quinta-feira (12). Recontagem oficial dos presso ainda não foi realizada, mas a estimativa é de que fugiram de 10 a 15 detentos

(Foto: Vinicius Frigeri/RPC)

Uma fuga de presos foi registrada no fim da noite de quinta-feira (12) na cadeia da delegacia de Cambé, no norte do Paraná. Conforme a Polícia Militar (PM), os presos cavaram um buraco da galeria principal até o pátio e pularam o muro entre a delegacia e o Fórum de Cambé.

Até as 11h30 da manhã desta sexta-feira (13) não tinha sido feita a recontagem oficial dos detentos, mas a PM estima que 15 presos fugiram. A Secretaria de Segurança Pública do Paraná (Sesp) informa que são entre 10 e 15 detentos. Segundo a PM, oito foram recapturados. Já a Sesp afirma que foram sete.



Ainda de acordo com a PM, três mulheres foram presas por suspeita de ajudarem na fuga. A galeria principal da cadeia foi projetada para abrigar 32 detentos, mas o local estava com 169 presos, conforme a Polícia Civil. O número é de detentos era cinco vezes maior que a capacidade.

A última fuga que tinha sido registrada em Cambé foi no dia 28 de maio quando 31 presos escaparam por um túnel.

Londrina

Conforme a Sesp, houve uma tentativa de fuga no 4º Distrito Policial de Londrina, no norte do Paraná, também na noite de quinta-feira. A Seção de Operações Especiais (SOE) da Polícia Civil foi acionada e descobriu que um buraco estava sendo aberto pelos presos. O conserto do local estava previsto para a manhã desta sexta-feira.

Fonte: G1