Lutador, suspenso após briga em luta em que perdeu para Nurmagomedov, diz que irá tomar 'merecidas piñas coladas' depois de deixar o octógono

McGregor recebe golpe de Nurmagomedov em sua última derrota no UFC

McGregor recebe golpe de Nurmagomedov em sua última derrota no UFC

Stephen R. Sylvanie-USA TODAY

Um dos principais astros do UFC, Conor McGregor, 30, anunciou nesta terça-feira (26), através de suas redes sociais, a aposentadoria do MMA (artes marciais mistas). Em uma postagem curta, o irlandês deixou vago as razões que o levaram a abandonar o octógono. 

“Ei, pessoal, um anúncio rápido! Eu decidi me aposentar hoje deste esporte formalmente conhecido como ‘artes marciais mistas’. Desejo a todos os meus antigos colegas que façam boas competições. Agora, eu me junto aos meus ex-parceiros nesta empresa, também na aposentadoria. Merecidas piñas coladas para mim, amigos!”, afirmou o lutador através de sua conta oficial no Twitter. 

Hey guys quick announcement, I’ve decided to retire from the sport formally known as “Mixed Martial Art” today.
I wish all my old colleagues well going forward in competition.
I now join my former partners on this venture, already in retirement.
Proper Pina Coladas on me fellas!— Conor McGregor (@TheNotoriousMMA) 26 de março de 2019

McGregor deixa as competições com um cartel de 21 vitórias e 4 derrotas. Sua luta mais recente foi uma derrota por submissão para o russo Khabib Nurmagomedov pelo título dos leves do UFC.

Atualmente, o lutador cumpre suspensão de seis meses por causa da briga após a derrota para Nurmagomedov. Ele planejava voltar ao octógono em meados do ano.

McGregor (à dir.) encara Mayweather antes de sua estreia no boxe

McGregor (à dir.) encara Mayweather antes de sua estreia no boxe

REUTERS/Steve Marcus – 26.3.2019

O lutador tem colecionado reveses nos últimos tempos. Anteriormente, havia sido derrotado pelo norte-americano Floyd Mayweather em sua estreia no boxe profissional. Na luta, ganhou US$ 30 milhões de bolsa. Segundo o irlandês, seu faturamento no combate chegou próximo de US$ 100 milhões. 

McGregor foi o primeiro lutador a conquistar duas divisões de peso distintas do UFC. Ele chegou a ostentar o cinturão dos galos e dos leves após nocautes sobre o brasileiro José Aldo e o norte-americano Eddie Alvarez. 

Não é a primeira vez que o irlandês anuncia sua retirada das competições. Em abril de 2016, o lutador anunciou, também nas redes sociais, que punha fim à carreira. “Decidi me retirar jovem. Obrigado pelo dinheiro. Nos vemos depois”, disse, na ocasião. 

Apesar disso, dias depois, mudou de idais e seguiu com sua carreira de lutador profissional. A iniciativa do passado faz com que muitos fãs pensem que McGregor possa estar apenas fazendo uma nova jogada de marketing.

Fonte: R7

2-2 PG - Infotech
3-2 PG - Espaço Regional
1-1 PG ELETRIBEL