Ex-presidente é investigado por tráfico de influência, lavagem de dinheiro e organização criminosa

© Reuters

O juiz Vallisney de Oliveira, da 10ª Vara da Justiça Federal em Brasília, marcou para 20 de fevereiro de 2018 o interrogatório do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelo processo a que ele responde na Operação Zelotes. O petista é suspeito de tráfico de influência, lavagem de dinheiro e organização criminosa. As informações são do G1.

O caso apura supostos crimes na compra de 36 caças suecos pelo governo federal entre 2013 e 2015, durante a gestão da ex-presidente Dilma Rousseff. Segundo denúncia do Ministério Público Federal, montadoras teriam sido beneficiadas no esquema.

Continua depois da publicidade



Também são réus no processo o filho de Lula, Luís Cláudio Lula da Silva, e os lobistas Mauro Marcondes e Cristina Mautoni. Os três serão ouvidos no mesmo dia.

O ex-presidente negou as acusações, afirmando que nunca jamais interferiu na aprovação de medidas provisórias ou no processo de escolha e compra dos caças pelo Brasil.

Fonte: TV Senado