Segundo o Sintrivel, trabalhadores mudavam o andaime de lugar, próximo da rede de energia, quando foram atingidos pela descarga elétrica. Caso aconteceu em Cascavel, nesta sexta-feira (8)

Um jovem morreu e um homem ficou ferido após serem eletrocutados, em Cascavel — Foto: Roberto Leal Americano/Sintrivel

Um jovem morreu e um homem ficou gravemente ferido após serem eletrocutados enquanto trabalhavam com um andaime, em Cascavel, no oeste do Paraná, na tarde desta sexta-feira (8), segundo o Corpo de Bombeiros.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil de Cascavel e Região (Sintrivel), os trabalhadores estavam mudando o andaime de lugar, próximo da rede de energia, quando foram atingidos pela descarga elétrica.

O trabalhador que sobreviveu, segundo os bombeiros, foi encaminhado para o Hospital Universitário do Oeste do Paraná, em Cascavel.

Conforme o Sintrivel, as vítimas prestavam serviço de forma autônoma e foram contratadas para pintar a empresa Cotrasa.

G1 entrou em contato com a empresa e aguarda retorno.

Segundo o sindicato, ainda será avaliado sobre a responsabilização da empresa diante do acidente.

De acordo com o presidente do Sintrivel, Roberto Leal Americano, para a realização de serviços próximos a rede de energia, é necessário a avaliação e liberação de um engenheiro elétrico.

Conforme os bombeiros, a perícia ainda será concluída para apurar como aconteceu o acidente.

Os trabalhadores, segundo o sindicato, usavam capacetes e botas de borracha.

De acordo com a Companhia Paranaense de Energia (Copel), a rede elétrica não é de responsabilidade dela, pois faz parte de uma rede interna da empresa.

Fonte: G1

Gestor de SMS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *