PM informou que a vítima é usuária de drogas e estava devendo para o traficante

© Pixabay

Uma jovem de 17 anos foi vítima de cárcere privado e tortura, cometidos por um homem e dois menores. Eles foram apreendidos pela Polícia Militar (PM) nesse sábado (16), no bairro Bela Vista, em Contagem, na região metropolitana.

A polícia informou que recebeu uma denúncia de que o chefe do tráfico, juntamente com seus comparsas, havia sequestrado uma menor, que estava em um bar. A adolescente teria sido colocada à força dentro de um carro modelo Palio Weekend, de cor azul e levada para um beco.

A polícia localizou um dos suspeitos e encontrou um celular, onde continham salvas duas fotos de uma vítima sendo torturada em um banheiro. Além dele, dois menores foram apreendidos em flagrante com facas nas mãos, mantendo a vítima em cárcere privado e a torturando. Ao verem os policiais, eles largaram as facas e tentaram pular o muro, mas foram apreendidos.

A vítima foi encontrada amordaçada, com as mãos e as pernas amarradas, diversas escoriações pelo corpo, lesões na cabeça e no rosto. A vítima teve ainda os cabelos cortados. Ela foi encaminhado para o Hospital Municipal de Contagem, onde ela teve que ficar internada sob cuidados médicos.

De acordo com o jornal O Tempo, a PM informou que a vítima é usuária de drogas e estava devendo para o traficante. Os suspeitos alegam que fizeram isso para castigá-la.

A perícia esteve na casa e recolheu três facas, quatro buchas de maconha, três pinos de substância semelhante à cocaína, uma sacola contendo material para fabricação de drogas, amostras de sangue que estavam nas paredes do banheiro e da cozinha, quatro aparelhos celulares e três carteiras de identidades, que seriam de outros integrantes da gangue.

Fonte: Notícias ao Minuto Brasil

Gestor de SMS