Um dia após alguns deputados criticarem reportagem da RPCTV, afiliada da Rede Globo no Paraná, em referência ao ressarcimento de verba de gabinete, o deputado estadual Ricardo Arruda, do PSL, lançou uma petição na internet para reunir assinaturas com a finalidade de pedir a cassação da concessão da Rede Globo de Televisão

imagem: pt.wikipédia.org

Ele também pediu a imediata intervenção do Ministério das Comunicações na Globo.

Talvez o parlamentar esteja sendo um tanto sensacionalista, como disseram seus colegas que não gostaram da reportagem da RPCTV e agora quer usar a onda contra a Globo para demonstrar sua insatisfação com o noticiário que estaria sendo tendencioso, contra o presidente Jair Bolsonaro.

Arruda alega que a emissora teria violado o artigo 53, do Código Brasileiro de Comunicações, que define condutas consideradas criminosas que podem resultar em sanções contra concessionárias de serviços de comunicação. Em sua justificativa, o deputado enumerou supostas denúncias contra a Globo e aproveitou para dizer que a emissora ataca Deus, Jesus Cristo e a Bíblia.

Arruda também aponta que o artigo 36 do Código Brasileiro de Comunicações prevê que “os serviços de informação, divertimento, propaganda e publicidade das empresas de radiodifusão estão subordinadas às finalidades educativas e culturais inerentes à radiodifusão, visando aos superiores interesses do País”.

Fonte: Paraná Portal

Gestor de SMS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *