Levantamento indica ainda que houve pelo menos dois casos de subtipos de Influenza na cidade desde o início do ano


Foto: Erasmo Salomao/Ministério da Saúde

O boletim epidemiológico divulgado na última sexta-feira (3) pela Secretaria Municipal de Saúde, apontou o primeiro caso de H1N1 deste ano em Maringá. O levantamento ainda indicou outros dois incidentes envolvendo subtipos do vírus Influenza. O município analisa dez pacientes com possível contágio da doença.

A Secretaria de Saúde também confirmou 165 casos de dengue na cidade, sendo que outros 539 ainda estão sendo investigados pela pasta. O boletim apontou que foram feitas 16 notificações de chikungunya, mas que dez casos já foram descartados pelas análises.

O calendário epidemiológico estadual de dengue, zikavírus e chikungunya começou no dia 29 de julho do ano passado e termina dia 27 de julho deste ano. Já o calendário da gripe H1N1 teve início em 1º de janeiro e segue até o último dia do ano.

Sintomas e cuidados

Entre os principais sintomas da H1N1 estão febre alta (acima de 38,5º), tosse, dor muscular, irritação nos olhos, falta de ar e dor no tórax. Para prevenir o contágio, além da vacina, o recomendado é que a pessoa deixe sempre o ambiente aberto e ventilado. Recomenda-se também que as mãos sejam lavadas várias vezes por dia e que não se compartilhe objetos como garfos e facas.

Fonte: Paraná Portal

1-1 PG ELETRIBEL
2-2 PG - Infotech
3-2 PG - Espaço Regional